terça-feira, 31 de janeiro de 2012

A história de uma jovem que sobreviveu a um teste!


Ora bem, já fiz o teste! Penso que houve uma certa luz divina a invadir o meu pequeno cérebro, no entanto, duas escolhas múltiplas já se foram...estou rezando por um 17 (usei agora um tom abrasileirado para dar um certo charme neozelandês (eu sei que estão a pensar que me estou a passar ao dar nomes aos charmes...mas um dia explico...é uma longaaaaaa história) à coisa)! Infelizmente, ainda me faltam três testes, a apresentação de dois trabalhos e a realização de um outro. Mas, sou jovem para sobreviver a isso sem cortar os pulsos. Entretanto, atingi o meu mínimo peso desde (para  aí) os meus 12 anos...já nem me lembrava de ver aquele número na balança e por isso, estou mega super hiper feliz! Falta um suissinho para atingir o meu peso tão desejado...não, não estou a pensar ser anoréctica, apenas quero ter um peso ideal para a minha altura e estatura óssea. A verdade é que sempre fui gordinha e nunca pesei o que devia...e pronto, sempre vivi com um trauma em relação a isso.

Mosquita

4 comentários:

23DavidLuiz disse...

BOA!:D
Eu espero sobreviver ao exame de amanhã :x

Batom para que te quero disse...

Tenho fé em ti, Fabi!

Anónimo disse...

Parabens! (Por aquilo do peso)

Batom para que te quero disse...

Obrigado. Vamos ver se atingo objectivo final!