quarta-feira, 10 de julho de 2013

"O amor não se define, sente-se"


Aconteça o que acontecer e venha o que vier, lutarei para que fiquemos juntos até ao fim, seja ele quando for. Porque o teu sorriso, o teu cheiro, os teus mimos, os teus abraços, o teu olhar, os teus beijos, os teus carinhos, o teu jeito de falar... valem tudo e mais alguma coisa. Não preciso de presentes, de roupas de marca, de dinheiro desmesurado... preciso somente de ti e para sempre de ti. A minha felicidade, tal como à quase nove meses atrás, continua interligada com a tua. Faremos juntos o nosso futuro até que as nossas forças nos permitam, porque "O que é verdadeiro não vai. O que é verdadeiro, permanece."!

3 comentários:

DianaPereira* disse...

Andas tão melosa :p

Sara disse...

Gosto do meu babe tá? <3

DianaPereira* disse...

siiim :)
bimba melosa ;)