quarta-feira, 2 de maio de 2012

"Ah tá, mas já chega"

Pronto, queriam chuva, São Pedro deu uma ajuda. Mas, já chega. Só pedimos um dedo, o santo manda logo o corpo inteiro. Por mim, pode chover torrencialmente todos os dias, excepto quando nesses dias eu tenho obrigatoriamente de sair de casa (tipo nos dias de aulas...eu e os guardas-chuva não somos os melhores amigos, de facto) ou aos fins-de-semana, em que não tenho de estudar e não está a dar nada de jeito na televisão. Assim sendo, muito obrigado por ajudar os agricultores e as suas culturas, mas São Pedro já não precisamos dos seus serviços, por isso, está despedido (não oferecemos subsídio de desemprego, nem tão pouco indeminização, que isto está muito mau para todos. Pelo andar da carroça, só me vou puder reformar quando for fazer tijolo (morrer, para os menos conhecedores de expressões populares)).

Mosquita

4 comentários:

DianaPereira* disse...

fazer tijolo significa morrer? "ah, ok." xD

Batom para que te quero disse...

A legenda era mesmo para pessoas, que apesar de viverem no campo, não conhecem expressões de renome popular. Falta de cultura.

DianaPereira* disse...

tu é que as inventas xD

Batom para que te quero disse...

Não tenho culpa da tua falta de cultura neste termos. Para tua informação o meu pai passa a vida a usar esta expressão.