quinta-feira, 24 de novembro de 2011

O meu Sol fugiu! E agora?


O meu Sol fugiu por completo. Já lhe perguntei o motivo de tal desaparecimento, mas ele não me responde. Talvez seja por causa da Troika, talvez por causa da Grécia, talvez porque eu não o mereço, talvez porque não queira nada comigo, talvez simplesmente esteja a dar um tempo. A verdade é que preciso dele para me orientar, para me fazer sentir alguém, para ter paciência, para ter força, para aguentar o que ainda me espera. O meu Sol até agora não voltou e o meu cérebro anda com ele de mãos dadas, alegres, contentes e a rir-se por me deixar assim: completamente desnorteada. O meu Sol é o meu ser, a minha cabeça, a minha razão, que teima em não regressar. O mais certo é ter de fazer queixa de sequestro, porque sem ele não vou conseguir aguentar.

Mosquita

P.S.: Eu sei que está um bocado estúpido, mas demonstra como anda a minha querida cabeça...completamente parva!

2 comentários:

23DavidLuiz disse...

Como já aqui disse, acredito que seja só uma fase! :)
Sabes que se precisares de alguma coisa, podes contar comigo :)

Batom para que te quero disse...

Obrigado Fabi por seres sempre tão querida comigo!!